Mumbai (Bombaim)

Mumbai (também conhecida como “Bombaim” em português e “Bombay” em inglês) é a maior cidade da Índia e uma das maiores cidades do mundo.  É a capital financeira da Índia, o centro da economia indiana, e a cidade mais rica do país.  Também é a sede da indústria de cinema e televisão conhecida no mundo inteiro como “Bollywood”.

Gateway of India (Portão da Índia) em Mumbai (Bombaim)

“Gateway of India” em Mumbai

Mumbai é um lugar onde todos os indianos se misturam.  Gente do país inteiro migra para Mumbai para aproveitar de tudo que a cidade oferece – alguns atrás de oportunidades econômicas, outros simplesmente seguindo o sonho de virar estrela de cinema.  Mumbai é a capital do estado de Maharashtra – a terra do povo Marathi – mas hoje em dia só uns 40% da população da cidade são Marathis.  Caminhando pelas ruas de Mumbai, você vai encontrar gente diversa do país inteiro – lojistas de Gujarat, motoristas de auto-rickshaw de Bihar, pessoas do sul, norte, leste, e oeste do país, todas falando suas línguas diferentes, comendo a comida típica das suas regiões nativas, e seguindo as suas tradições distintas.

Com o crescimento tão rápido de Mumbai, a cidade tornou-se uma das mais densas do mundo.  A cidade tem slums (favelas) muito grandes com milhares de habitantes, mas essas geralmente não são perigosas como muitas favelas no Brasil – são simplesmente “bairros” informais pobres, densamente povoados, com moradias muito básicas e frequentemente sem serviços como água limpa e eletricidade.  Dharavi é a segunda maior favela no mundo – entre o povo de Mumbai, é conhecida como o melhor lugar para comprar produtos de couro!

Por outro lado, Mumbai também é uma cidade de banqueiros, atores, modelos, informáticos, contadores, corretores, joalheiros, comerciantes, e empresários de toda indústria.  É o São Paulo e o Rio de Janeiro da Índia, em uma cidade só.

Bairros como Bandra e Juhu são cheios de restaurantes chiques e vida noturna, frequentados pelas classes média e alta da cidade.  Quem passa pelo distrito de Nariman Point vai ver prédios altos cheios de profissionais de finanças e outras indústrias; quem senta no terraço de um café em Andheri vai ouvir o papo de diretores, produtores, e outros profissionais de cinema.  Atualmente, Mumbai é a sexta cidade com mais bilionários no mundo – tem mais bilionários não só que São Paulo ou Rio, mas também que cidades como Paris, Los Angeles, São Francisco, ou Tokyo.

O principal bairro turístico de Mumbai, com a maioria das opções de hospedagem para mochileiros, é Colaba, localizado perto do Gateway of India.  (Lá o mercado da rua é completamente orientado para turistas; geralmente é mais barato comprar em outros lugares.)  O bairro de Fort fica perto, e pode ser uma opção interessante para quem quiser se hospedar em um ambiente mais autêntico em Mumbai.  Também tem outras opções nos bairros suburbanos.

Juhu é uma boa opção para hotéis para orçamentos mais flexíveis – é relativamente perto do aeroporto e tem praia, bons restaurantes, e alguns dos melhores hotéis de Mumbai.  Nariman Point também tem uns hotéis ótimos e é mais perto do centro da cidade.  Se você precisar se hospedar perto do aeroporto, procure um hotel em Andheri.

O que conhecer em Mumbai

Gateway of India e Taj Mahal Palace Hotel

Fachada do Taj Mahal Palace Hotel, Mumbai (Bombaim), Índia

Fachada do Taj Mahal Palace Hotel

O monumento mais famoso da cidade, o “Gateway of India” foi construído na época colonial para comemorar a visita do rei e rainha da Inglaterra.  Em frente ao monumento está o Taj Mahal Palace Hotel, um hotel de luxo com uma história interessante.  Na época colonial, os hotéis britânicos não hospedavam indianos, mesmo industrialistas adinheirados como o Jamsedji Tata.  Falam que Tata então decidiu construir o hotel mais luxuoso da cidade, bem na frente do grande monumento ao colonialismo britânico!  Entre os hóspedes famosos que já ficaram no Taj Mahal Palace Hotel estão Bill Clinton, os Beatles, Barack Obama, Angelina Jolie & Brad Pitt, e outros presidentes, reis, rainhas, príncipes, atores, músicos, etc.

Marine Drive

A orla de Marine Drive é um bom lugar para caminhar no fim da tarde e ver o pôr-do-sol perto do centro de Mumbai.  A esplanada larga também foi construída na época colonial para a visita da rainha da Inglaterra.  O povo de Mumbai chama Marine Drive de “colar da rainha”, pois dizem que as luzes ao largo da curva da orla a noite parecem um colar de pérolas.

Chowpatty Beach e Juhu Beach

As praias de Chowpatty e Juhu são ótimos lugares para conhecer a vida dos “Mumbaikars” (residentes de Mumbai).  Já que não tem muitos outros espaços abertos na cidade (como parques ou praças), as praias estão entre os lugares preferidos para passear no fim da tarde e a noite.  Tem pouca gente na praia no calor do dia, mas a multidão começa a chegar quando o sol começa a se pôr.  Há muitos quiosques de comida, vendedores ambulantes de diversas coisas, brinquedos para crianças, etc.  A praia de Chowpatty (localizado no final de Marine Drive) é a “original”, mas hoje em dia a praia de Juhu (no bairro suburbano do mesmo nome) tem um ambiente ainda melhor. (A parte mais movimentada da praia de Juhu é até chamada de “Juhu Chowpatty”.)  O mar não é apto para se banhar (devido a poluição) e ninguém toma banho de sol com roupa de praia aqui – essas praias são mais como parques.  Mas alguns Mumbaikars até entram no mar – as mulheres todas vestidas de sari!

Mahalaxmi Dhobi Ghats

Todo dia nos Mahalaxmi Dhobi Ghats, a maior “lavanderia” do mundo, centenas de pessoas lavam milhares de kilos de roupa em mais de mil “tanques” a céu aberto.  Os Dhobi Ghats estão entre os lugares preferidos para fotógrafos em Mumbai.  Visite cedo de manhã para ver os dhobis lavando a roupa – ou visite mais tarde para tirar fotos ótimas da roupa colorida estendida pela localidade inteira.  Para chegar, pegue um trem até a estação “Mahalaxmi” e suba para a ponte que passa encima da ferrovia – no outro lado da ponte, tem uma ótima vista dos tanques e da roupa colorida.

Elephanta Island (Ilha de Elefanta)

Elephanta Island (a Ilha de Elefanta) tem templos antigos localizados em grutas escavadas na rocha.  Para chegar, se pega um barco perto do Gateway of India.  A ilha é um lugar interessante para passar uma manhã ou tarde, mas tenha cuidado com os seus pertences – os macacos lá são agressivos!

Arquitetura colonial

Torre da Universidade de Mumbai, Índia

Torre da Universidade de Mumbai

Tem muitos prédios impressionantes da época colonial britânica no centro de Mumbai, em bairros como Fort e Churchgate.  Um exemplo famoso é a estação ferroviária “Chhatrapati Shivaji Terminus”, geralmente chamado simplesmente de “CST” ou até “VT” (pelo seu nome antigo, “Victoria Terminus”).   Outro edifício famoso é o museu “Chhatrapati Shivaji Maharaj Vastu Sangrahalaya”, antes chamado de “Prince of Wales Museum”, localizado perto do Gateway of India.  Perto da estação ferroviária de Churchgate, em frente a um grande espaço aberto (o “Oval Maidan”) onde os Mumbaikars gostam de jogar críquete, são os prédios originais da Universidade de Mumbai e do tribunal superior.

Museus

Tem vários museus populares no centro de Mumbai, entre eles o Chhatrapati Shivaji Maharaj Vastu Sangrahalaya (o antigo Prince of Wales Museum), o Jehangir Art Gallery, e o National Gallery of Modern Art.

Templos

O deus hindu Ganesh é particularmente importante para os Mumbaikars, e o festival de Ganesh Chaturthi é celebrado com um vigor especial na cidade.  O templo mais importante do Ganesh na cidade é o Siddhivinayak Mandir, no bairro de Dadar – terça-feira a noite é quando a multidão vai, as vezes inclusive celebridades de Bollywood.

O Mumba Devi Mandir é dedicado à deusa Mumba Devi, que deu seu nome à cidade de Mumbai.

Igrejas e mesquitas

Tinha colônias portuguesas na região da atual cidade de Mumbai e lá ainda tem uma forte comunidade católica, sobretudo no bairro multicultural de Bandra.  Tem várias igrejas antigas neste bairro (e algumas outras espalhadas pela cidade).

Mumbai também tem uma forte comunidade muçulmana, com muitas mesquitas.  A mais famosa é a Haji Ali mosque, localizada em uma ilha pequena; o mar cobre a passarela que chega à mesquita, dando acesso só na maré baixa.

Sanjay Gandhi National Park

Mumbai é uma das únicas cidades do mundo que tem um parque nacional dentro dos seus limites.  Também conhecido como Borivali National Park, este parque é um refúgio tranquilo do caos da cidade.  É um dos destinos preferidos dos Mumbaikars nos fins de semana, mas quase vazio durante a semana.  Dentro do parque, a sete quilômetros da entrada, são os “Kanheri Caves” – grutas parecidas às da Ilha de Elephanta, mas menos extensas e preservadas.

 

Leia também nossas páginas sobre o Délhi ou Rajasthan, ou procure hotéis em Mumbai aqui.