Roupa indiana

A roupa indiana – bonita, exótica, colorida, e muito diferente da nossa!  Então, quais são as roupas que os homens e mulheres indianos usam?

A verdade é que a Índia é muito grande e diversa, e existe um pouco de variação entre as vestimentas utilizadas nas diferentes regiões – mas tem alguns artigos de roupa indiana que se destacam, e vamos falar sobre eles.  Muitas roupas indianas também são comuns nos países vizinhos, como Paquistão, Bangladesh, Nepal, e Sri Lanka.

[Se você está procurando roupa indiana para comprar, veja nosso diretório de lojas indianas no Brasil e online!  Se você quer mais informações sobre as vestimentas que os indianos usam na Índia, leia abaixo.]

Roupa indiana feminina

Sari

sari indiano

Sari

O artigo mais famoso e típico da roupa indiana feminina é o sari (às vezes saree).  Um sari é um pedaço de tecido de 5-8 metros de comprimento em que a mulher indiana se enrola.  Existem uns 100 jeitos diferentes de vestir o sari!  O estilo muda de região a região.

O sari é uma roupa muito comum em quase o território inteiro da Índia.  Abaixo do sari, tipicamente se veste um choli, um tipo de blusa curta tradicional (que geralmente não cobre nem os braços nem a barriga).  Muitas mulheres também vestem um tipo de saia tradicional, chamado de lehenga ou ghaghra, embaixo do sari.  (Os nomes da blusa e da saia mudam de região a região na Índia; elas têm vários outros nomes no sul, por exemplo.)

Kurta / Kurti

kurti

Kurti

Originalmente uma vestimenta masculina, o kurta já virou uma roupa unissex – e hoje em dia é uma das roupas mais populares entre as mulheres indianas.  (Um kurti é basicamente só um kurta mais curto!)  Kurtas e kurtis são especialmente populares entre as jovens na índia – é muito comum ver uma mãe indiana de sari com a filha de kurti.

Kurtas e kurtis são basicamente blusas longas; existem muitos diferentes estilos regionais.  Eles são sempre usados com algum tipo de calça – entre os mais comuns está o pijama, uma palavra que originalmente denominou um tipo de calça leve e folgada que é usada durante o dia, não só a noite.  A palavra “pijama” entrou na língua inglesa durante a época colonial britânica na Índia, depois pegou o significado mais específico de roupa folgada para dormir, e entrou na língua portuguesa (e outras línguas) com este significado… mas na Índia, o significado original da palavra ainda é comum!

Além do pijama, outras calças tipicamente usadas com kurtis e kurtas são leggings e até jeans (entre as indianas mais modernas.)

Salwar Kameez

salwar kameez

Crianças de salwar kameez

O salwar kameez (ou shalwar kameez) também é utilizado como roupa feminina e masculina na Índia, embora com estilos muito diferentes.  É a combinação do salwar, um tipo de calça folgada (que fica apertado só no tornozelo), com o kameez, um tipo de túnica longa.

A palavra kameez tem a mesma origem que a palavra portuguesa “camisa”.  O “Punjabi suit” é um tipo popular de salwar kameez que tem suas origens na região de Punjab.  O churidar é um tipo de salwar que fica apertado na maioria da perna e que também é usado com kameez.

Dupatta

O dupatta é um tipo de xale tradicional indiano que é tipicamente usado com um kurta ou salwar kameez, combinando com estas vestimentas.  Tem vários jeitos de vestir o dupatta – para frente, para atrás, etc.  Também se usa para cobrir a cabeça ao entrar em um templo, uma mesquita, ou outro lugar religioso.



Roupa indiana masculina

Hoje em dia, é muito comum para os homens das cidades indianas usarem roupa ocidental, tipicamente calças “sociais” e camisas com gola e botão – a roupa dos homens indianos pode parecer um pouco formal para muita gente brasileira!  Mas em muitas regiões, sobretudo as zonas rurais, as tradicionais roupas indianas masculinas ainda predominam.  Além das roupas mencionadas abaixo, o kurta e o salwar kameez também são roupas indianas masculinas tradicionais que ainda são utilizadas em algumas comunidades.

Dhoti

Homem indiano de dhoti

Homem indiano de dhoti

O dhoti é a mais típica roupa masculina da Índia; é um longo pedaço de tecido (uns 4-5 metros), tipicamente branco, que o homem enrola no cinto como uma saia.  As vezes também passa o tecido entre as pernas, antes de amarrar o ponto no cinto.  O dhoti tem vários outros nomes em diferentes regiões da Índia.

Na maioria das fotos do Mahatma Gandhi, ele aparece de dhoti.  Supostamente ele adotou o dhoti como um símbolo de orgulho nacional durante a luta para a independência da Índia, depois de ver os homens da cidade de Madurai, no sul da Índia, vestindo este artigo tradicional de roupa indiana orgulhosamente.   O dhoti ainda é especialmente comum entre os homens do sul da Índia; no estado de Kerala, um tipo de dhoti chamado de mundu é muito popular.

Lungi

O lungi é muito parecido ao dhoti, mas com umas pequenas diferenças.  Geralmente os dois pontos do tecido são costurados juntos para “fechar” a vestimenta como um tipo de tubo.  Lungis tipicamente são quadriculados, mas também podem ser listrados ou de uma cor só, em contraste ao dhoti, que tipicamente é branco.

Sherwani

O sherwani é um tipo de casaco longo.  Antes associado com a aristocracia muçulmana da região, hoje também é muito usado pelos noivos do norte da Índia no dia do casamento, independentemente da religião, além de ser usado às vezes em outras ocasiões formais.

O sherwani também é muito popular em Paquistão e Bangladesh, os países muçulmanos que são os vizinhos da Índia.  Na Índia, além do sherwani, também se usa o achkan, outro tipo de casaco que é muito parecido ao sherwani, com só uns detalhes diferentes, e que é historicamente associado com os hindus da região.

Turbante

Homem punjabi de turbante

Homem punjabi de turbante

O turbante (chamado de pagri na Índia) é um pano comprido que é tradicionalmente enrolado na cabeça em muitas regiões diferentes da Ásia e da África.  Na Índia, o uso do turbante é típico só em algumas comunidades e regiões específicas.

O sikhismo é a principal religião da região indiana de Punjab (que também é um dos 29 estados da Índia), e o uso do turbante é considerado obrigatório para os homens  sikhs – não é permitido para eles cortarem o cabelo, então escondem o cabelo longo dentro do turbante.  O turbante sikh se chama dastar – e já virou um símbolo muito importante da identidade do povo punjabi e dos aderentes da religião sikh.

Além de Punjab, o turbante é muito utilizado também pelos homens do estado indiano de Rajasthan; os turbantes de Rajasthan são diferentes dos turbantes punjabis.

Em muitas outras regiões do norte da Índia, é comum para os homens usarem um turbante só no dia do casamento (e às vezes em outras ocasiões especiais), com um sherwani.

 

[Esta página do Tudo Índia ainda está em desenvolvimento…. volte daqui a pouco para ainda mais fotos e detalhes sobre a roupa indiana!  Curta o Tudo Índia no Facebook para ficar sempre atualizado com as novidades do site – e veja também nosso diretorio das lojas indianas no Brasil e online para saber onde comprar roupas indianas (e outras roupas do “estilo indiano”).]